Category Archives: engenharia de software

Falando em Java 2009: eu fui!

Este ano tive a oportunidade de participar da terceira edição do Falando em Java, um evento sobre a plataforma Java da Caelum que ocorre anualmente. Conheci alguns amigos gujeiros, twitteiros e também da própria empresa.

A presença do Jim Webber da Thoughtworks foi fundamental, visto que Bill Burke não pôde comparecer ao evento (devido a problemas com visto). Para a sorte do evento, além de ministrar a palestra Guerrilha SOA, Jim também possuía um know-how bem forte sobre Web services (veja o livro de sua autoria sobre o assunto) e pôde ministrar com maestria a palestra do Bill Burke. Além de ter mostrado uma forte qualidade técnica, Jim soube cativar o público com algumas pitadas de humor, sendo ovacionado diversas vezes nas suas palestras.

Em sua palestra sobre SOA, Jim apresentou uma analogia de silos e pontes com sistemas interoperáveis, ou seja, do modo com que se construía sistemas em módulos sem possuir integração alguma (e que não seria uma simples ponte que faria com que dois ou mais sistemas se comunicassem entre si de uma forma concisa), do grande hype sobre o mundo SOA e a forma que as empresas vendem seus produtos baseados nessa tecnologia. No mundo SOA, entenda ESB como um hub que recebe/envia mensagens de diversos sistemas distintos. Para Jim, ESB representa um barramento mágico que ofusca o que faríamos quando fossemos integrar sistemas diferentes em uma corporação, abstraindo do desenvolvedor essa tarefa, porém fazendo a mesma coisa que faziam no passado: incluindo pontes entre silos (você conseguiria imaginar isso?). Seria Same Old Arquitecture uma buzzword ou realmente SOA é algo diferente e novo?

Em sua segunda palestra, Jim abordou REST webservices e enfatizou (assim como Felipe Sabella – vulgo lipe – na palestra sobre VRaptor 3) a importância de ser eficaz na web. Explicou também a importância da web e que infelizmente a maioria das empresas/pessoas não sabem aproveitar o que a tecnologia que envolve o protocolo HTTP oferece. No blog do Bruno Pereira você verá muita coisa sobre REST.

Hibernate foi um dos assuntos mais comentados no evento, com dicas de boas práticas e alguns exemplos de lazy loading (EXTRA mode), batch, stateless session, cluster, load balance, n+1 selects e outros. Algumas apresentações tiveram exemplos práticos, como na apresentação sobre o JBoss Seam e Web beans, onde o cenário da compra de pães foi mostrado. Na verdade, a idéia por trás desse cenário era para exemplificar e mostrar a Java Contexts and Dependency Injection (JSR-299), onde a pessoa receberia o pão como recurso (injetado), e não ter que se deslocar para obter o pão. O cenário full stack do JBoss Seam é um chamativo para desenvolvedores que estão em busca de features out of box, como: segurança, integração com relatórios, frameworks MVC, mensageria, AJAX, dentre outros. Já o que mais me chamou atenção na palestra sobre VRaptor 3 foi a list-roadmap dos desenvolvedores e o fato de que eles inserem as necessidades que irão trazer praticidade para o dia-a-dia deles em atividades de desenvolvimento de software. Estou utilizando a versão 2.x do VRaptor em um projeto open source e estou gostando bastante, principalmente pela simplicidade e por não ser intrusivo. O VRaptor possui integração com Spring, Hibernate, freemarker, velocity e outros frameworks. Acredito que a palestra sobre arquitetura para aplicações java de médio porte poderia ter relacionado outros tipos de funcionalidades arquiteturais, como segurança, mensageria, integrações, front-ends, etc.

img_livro

Uma das principais novidades do evento foi o anúncio do lançamento do livro Arquitetura Java, previsto para o mês de novembro deste ano, com participação de alguns instrutores da Caelum e prefácio do Shoes. Todos os participantes do evento terão desconto na compra do livro. Outra novidade é a abertura de uma filial em Brasília e o lançamento do curso de Adobe Flex.

Para concluir, gostaria de parabenizar a Caelum pelo excelente evento e agradecer o apoio do Paulo Silveira.

Até o próximo!

Secomp 08 e CCT de novembro

Falando em eventos, na próxima quinta-feira (20/11)  irei ministrar mais uma palestra (felizmente) Apresentando o CEJUG e o poder do Java. A palestra ocorrerá na SECOMP, evento que ocorre na Faculdade Lourenço Filho e que já está na sua oitava edição.

Irá ocorrer também o CCT deste mês, com a presença do meu velho amigo Jeveaux, do PortalJava.

Palestras do CCT:

  • Testes de Software – Jeveaux
  • Desenvolvendo aplicações web no eclipse utilizando Tapestry 5 – Marcus Veloso

Jazoon 08, eu fui!

Na última semana (23 a 26) aconteceu o Jazoon 08 em Zurich, na Suíça. O Jazoon é uma conferência internacional sobre Java , aborda diversos assuntos atuais sobre a tecnologia e possui palestrantes internacionais, como Joshua Bloch (engenheiro de software do Google e criador de diversas APIs do Java) e Rod Johnson (criador do Spring).

Participei da Caravana do CEJUG rumo ao Jazoon 08 e nós fomos os únicos brasileiros do evento. Ainda estou colhendo os frutos da experiência de ter participado de um evento internacional, cujo aprendizado foi imenso e pude observar de perto como realmente se organiza um evento. Quem sabe essa experiência servirá como aprendizado para melhorar o Café com Tapioca do CEJUG. O evento fornecia alimentação (café da manhã, almoço, lanches, etc) gratuitamente todos os dias, sem falar da after hours, que liberavam cervejas para todos os participantes. 🙂
A IVIA (empresa na qual trabalho) patrocinou a Caravana com camisas do Brasil padronizadas para o evento, contendo as logomarcas do Jazoon, CEJUG e da IVIA.

Se você me perguntasse qual foi a melhor palestra do evento, eu responderia: “-Todas as palestras do Joshua Bloch.”. O cara é sensacional, sabe transmitir o conhecimento e sabe como fazer com que o público fique preso a sua apresentação, sem piscar os olhos. Ele ministrou três palestras: a primeira sobre a segunda edição do seu livro, o Effective Java, a segunda sobre Java Puzzlers e a terceira sobre The Closures Controversy.

Das três, a palestra sobre closures me chamou mais atenção, pois o Joshua exemplificou e mostrou as vantagens e desvantagens dessa funcionalidade na linguagem Java.

Educação, respeito, humildade, companheirismo e pontualidade são os principais frutos que colhi do evento.

Valeu Caravana, até a próxima! 🙂

Fotos

dsc04508.jpg

dsc04437.jpg
Da esquerda para a direita: Felipe Gaúcho, Christian (organização do evento), Hebert Aquino, Rafael Tabosa, Amaury Brasil, Joshua Bloch, Eloir Cortes, André Paes, eu, Cláudio Miranda e René Araújo

dsc04579.jpg
Participantes da Caravana no stand da netcetera

dsc04431.jpg
eu com o Joshua Bloch

dsc04484.jpg
Roy T. Fielding (criador do REST)

dsc04401.jpg
Martin Odersky (criador da Scala)

dsc04416.jpg
Rod Johnson (criador do Spring)

dsc04510.jpg
eu com Ted Neward e Joshua Bloch

dsc04643.jpg
Joshua Bloch autografando o meu Effective Java Second Edition, 🙂

dsc04339.jpg
Credencial do evento

Vídeos

[youtube:http://www.youtube.com/watch?v=AJ9dooLg7vk]

Cobertura do Café com Tapioca de dezembro: Testes de Unidade com JUnit

Comentários

Ocorreu no último sábado (15/12/07) na UFC o Café com Tapioca com a palestra Testes de Unidade com JUnit, ministrada pelo Fabrício Lemos. O evento contou com a participação de 52 pessoas, que se mostraram bastante interessadas pelos diversos conteúdos abordados na palestra, como: JUnit, EasyMock, DbUnit e TDD (Test Driven Design).

O palestrante explicou o conteúdo de uma forma clara, objetiva e sucinta, sanando as dúvidas dos participantes.

Material

Slides

Fotos

http://picasaweb.google.com/cafecomtapioca

Vídeos

[youtube:http://www.youtube.com/watch?v=8jny_MkHQZM]

[youtube:http://www.youtube.com/watch?v=aro3WSsleF0]

Página do evento

http://www.cejug.org/display/cejug/Testes+de+Unidade+com+JUnit+-+%2815.12.07%29

Café com Tapioca recheado de testes

No próximo dia 15/12 (sábado) acontecerá o Café com Tapioca de dezembro, com a palestra Testes de Unidade com JUnit, que será ministrada por Fabrício Lemos.

O evento contará com a participação especial de Phillip Calçado, através de vídeo-conferência, diretamente de Melbourne – Austrália.
Não deixe de levar 1 kg de alimento não perecível para ser doado em instituições de caridade.

Informações e inscrições: cafecomtapioca@cejug.org